Alimentação e estética: Veja como os nutrientes ajudam a nos deixar mais bonitos

Alimentação e estética: Veja como os nutrientes ajudam a nos deixar mais bonitos

Comer bem é tão bom que nos deixa até mais bonitos, sabia? Sim, além de beneficiar a saúde como um todo, a alimentação saudável também é uma grande aliada de questões estéticas do nosso corpo. Determinados nutrientes, quando consumidos de maneira equilibrada e regular, possuem poderes importantes para deixar nossa pele mais lisaos cabelos volumosos, unhas mais fortes e, claro, o emagrecimento natural. Saiba mais!

Quando falamos em alimentação associada à estética é quase que instantâneo pensarmos na perda de peso. Mas, os poderes nutricionais vão muito além disso. A ingestão de alimentos com componentes anti-inflamatórios, por exemplo, podem beneficiar nosso corpo de uma forma geral. “Não podemos deixar de citar que quando falamos em tratamento estético, devemos partir do princípio de uma alimentação anti-inflamatória, uma vez que a alimentação habitual (carnes gordas, leite integral, alimentos refinados, doces, bebidas alcoólicas, embutidos e enlatados), são pró-inflamatórios, ou seja, favorecem o aparecimento da inflamação”, explica a a nutricionista Karen Sussman, ressaltando os aspectos contrários de uma alimentação ruim na beleza de nosso corpo:

“Diversos estudos já mostraram e comprovaram que maus hábitos alimentares, com deficiências nutricionais e excesso de gordura saturada, carboidratos simples e sódio, podem causar diversas alterações estéticas”, destaca a profissional que respondeu algumas perguntas sobre o tema. Confira!

– Como uma boa alimentação age nas questões estéticas?

“Cada micronutriente tem uma especificidade maior com alguma característica estética. Normalmente, as desordem estéticas se iniciam quando estamos com carência de micronutrientes (vitaminas e minerais), por isso, devemos ter bastante atenção e cuidado ao fazer uma dieta muito restritiva quando o desejo é perda de peso, pois podemos até perder gordura, mas estaremos entrando em carência de nutrientes que sao essenciais para composição do cabelo e unha, enrijecimento muscular, ressecamento da pele, entre outros.”

– Qual é o consumo ideal para que esses alimentos comecem a proporcionar o resultado desejado?

“O consumo ideal vai variar de acordo com cada pessoa. Devemos sempre tratar com individualidade. A anamnese inicial é bem completa e leva em consideração todo o histórico dos pacientes, exames bioquímicos, alimentação habitual, sinais e sintomas, sobrecarga de toxinas, deficiência de nutrientes, avaliação de gordura corporal, massa magra, e também as principais queixas do paciente. Com essa anamnese é possível juntar todos os dados, e avaliar a principal causa da alteração estética para se ajustar as necessidades diárias. Lembrando que todos os micronutrientes tem uma recomendação diária necessária mínima para funcionamento do organismo.”

Fonte:

Conquiste sua vida